Deputado Federal José Guimarães20 mil pessoas pelas ruas de Fortaleza contra a reforma traballhista

10/11/2017

Imprimir notícia

Compartilhe esta postagem:


20 mil pessoas pelas ruas de Fortaleza contra a reforma traballhista

Rejeitada por 81% dos brasileiros, a reforma trabalhista do presidente Michel Temer foi alvo de protestos por todo País, nesta sexta-feira (10). Além das ruas e praças do Brasil, as manifestações contra as novas leis trabalhistas aconteceram também nas redes sociais. A hashtag #DerrubaReforma foi um dos assuntos mais comentados no Twitter, chegando a figurar como o quinto tema do Trending Topics dessa rede.

Em Fortaleza, o protesto reuniu cerca de 20 mil pessoas nas ruas do Centro. O deputado federal José Guimarães participou do evento. "Além de votar contra as reformas no Congresso Nacional, eu apoio a luta dos trabalhadores pois essa reforma foi o maior ataque aos direitos dos trabalhadores já visto na história do país", comentou.

A nova legislação trabalhista passa a valer a partir deste sábado (11). Encaminhada pelo Temer e aprovada pelo Congresso Nacional, a chamada reforma trabalhista alterou 100 itens da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Entre as mudanças estão negociações individuais entre patrões e empregados, sem a presença do sindicato, para assinar acordos de demissão, jornada de trabalho, banco de horas, parcelamento de férias e intervalos para amamentação.